Pele requer cuidados no inverno

Notícia de: Portal Beauty Fair

Os cuidados com a pele devem ser rigorosos em todas as épocas do ano. No inverno os fatores climáticos, como o vento, mudanças bruscas na temperatura e o ar seco favorecem a evaporação de água através da pele, diminuindo o grau de hidratação da mesma. Por conta do frio, algumas pessoas tomam banhos muito quentes e demorados. Tal atitude elimina o manto hidrolipídico da pele, fazendo com que ela fique desprotegida e se desidrate.

Independente do tipo de pele é necessário se submeter à limpeza de pele, que promove a remoção das células mortas, maquiagem, secreções sebáceas e impurezas. De fundamental relevância está a hidratação, pois uma pele seca e desidratada, pode ter a sua função de proteção comprometida, além ser também um problema estético, já que seu aspecto é opaco, áspero, sem elasticidade e com tendência à descamação. E por fim, as pessoas não podem deixar de fazer uso do protetor solar diariamente, afim de evitar o foto envelhecimento e o câncer da pele.

O inverno é a melhor época para fazer procedimentos estéticos. Os peelings são indicados geralmente para clareamento da pele. Trata-se da aplicação de algum tipo de ácido (retinóico, salicílico, ATA, mandélico, salicílico) para provocar a descamação da pele. A profundidade que o ácido atinge na pele vai provocar uma maior ou menor agressão, de acordo com a indicação do tratamento. Podem ser classificados em superficiais, médios e profundos.

Os médios e profundos são realizados com mais frequência no inverno pelo tempo de recuperação mais demorado. O ideal é evitar exposição solar duas semanas antes e duas após a realização do procedimento. Peelings superficiais são realizados semanalmente, sendo interessante fazer três a cinco sessões. Peelings médios uma a duas vezes sessões com um mês de intervalo. E profundo apenas uma sessão anual é suficiente.

A Luz Intensa Pulsada é um aparelho que emite luz em vários comprimentos de onda que serão filtrados para um determinado objetivo. É indicado para melhora de manchas, vasinhos (telangiectasias), textura da pele, rugas finas e de certa forma flacidez cutânea, pois estimula a produção e remodelação de colágeno. O ideal é evitar exposição solar duas semanas antes e duas após a realização do procedimento. O tratamento é feito em quatro a seis sessões, uma em cada mês. É praticamente indolor e o paciente pode retornar às suas atividades logo após a sessão.

Já o Laser de CO2 é indicado para as rugas da face, especialmente aquelas ao redor da boca, dos olhos, das maçãs da face e da testa, a flacidez das pálpebras e do contorno facial, manchas faciais e cicatrizes, em especial da acne. Trata-se de um aparelho que emite laser com grande afinidade pela água. É visível a melhora tanto da superfície da pele (textura da pele, contração de poros, clareamento da pele), como de camada mais profunda da pele (contração e remodelação de colágeno). É recomendado evitar exposição solar duas semanas antes e duas após a realização do procedimento. O tratamento pode ser mensal, e dependendo da indicação, apenas uma sessão é necessária. Se for para rejuvenescimento mais intenso e cicatriz de acne pode ser necessárias três sessões ou mais.

Esses tratamentos não são os mais recentes, porém são os mais realizados tanto no Brasil como no resto do mundo.

 Imagem

Comente

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s